Dúvidas? 11 3052-2529 | 0800 771 2529 Login

Orçamento público no vermelho: e agora, gestor?

Diante da tendência de déficit no orçamento público até 2022, gestor deverá ser estratégico

O segundo semestre de 2019 veio acompanhado de uma notícia preocupante: o orçamento público do Brasil deverá ficar no vermelho até o ano de 2022. Contingenciamentos e a falta de ganho real do salário mínimo são apenas alguns dos efeitos desta realidade. Diante deste entrave econômico ao desenvolvimento da Administração Pública, como um gestor público estratégico deve lidar?

Foi esta pergunta que a redação do Radar IBEGESP fez para dois profissionais com sólida carreira na Gestão Pública e instituições com parceria com órgãos públicos: Aderval Morreti, presidente do Centro Universitário Santa Fé do Sul (UNIFUNEC) e Tiago Brito, diretor financeiro do IBEGESP. Confira a entrevista e saiba como se organizar nos próximos anos!

 

...